CENTRAL DE ATENDIMENTO

34 3215-1143

REDES SOCIAIS

Especialidades

Sobre a Otoface

Corpo clínico

ESPECIALIDADES

Clique sobre a cirurgia desejada abaixo:

Tratamento do sangramento do nariz

O tratamento do sangramento nasal depende da abundância de sangue que escorre.

 

Sangramento pouco abundante:

A compressão manual usando apenas um ou dois dedos é o suficiente para parar o sangramento. Primeiro, devemos colocar o paciente na posição sentada, com a cabeça ligiramente inclinada para frente, a fim de evitar que o fluxo de sangue vá para o tubo digestivo e para o sitema respiratório e, em seguida, pedir-lhe para soprar o nariz para remover os coágulos de sangue. A pessoa deve respirar pela boca durante este período.

Quando houver o sangramento de apenas uma narina, pode-se parar o sangramento comprimindo vigorosamente, com o polegar, o vaso entre a narina e o septo nasal.

Quando ambas as narinas estiverem sangrando, use o polegar e o indicador para apertar firmemente as narinas.

A compressão é feita durante 10 minutos, esse é o tempo necessário para coagular o sangue e, portanto, para parar o sangramento. Se o sangue não parar de escorrer, você deve verificar se as ações de socorro estão corretas e proceder com tamponamento anterior ou posterior. Colocar gelo no nariz ajuda a ativar a coagulação e a controlar a hemorragia.

 

Sangramento moderado ou muito abundante

Quando a compressão manual após 20 minutos falhar, o médico efetua o tamponamento anterior com o auxílio de um “cotonete” inserido nas narinas.

O tamponamento posterior é feito colocando o “cotonete” na parte de trás da garganta, a fim de estancar o sangramento na parte posterior das fossas nasais. Ele é usado em caso de ineficiência do tamponamento anterior ou hemorragia, que descem pela garganta.

Deve-se verificar regularmente após 48 horas, se a técnica é eficaz.